Video

13/02/2014

Banco do Brasil faz previsões conservadoras



Apesar do lucro líquido recorde obtido no ano passado, de R$ 15,8 bilhões, o presidente do Banco do Brasil (BB), Aldemir Bendine, fez projeções modestas para os resultados da instituição para este ano. "Preferimos apresentar um dado, digamos, mais conservador ou realista, e procurar surpreender, como temos feito nos últimos anos", disse ele.

Segundo as projeções de desempenho do BB para 2014, o agronegócio terá o maior crescimento de crédito. A estimativa é que os empréstimos para o segmento variem de 18% a 22%. Esses percentuais, no entanto, são inferiores aos previstos no ano passado, entre 24% e 28%. O desempenho final ficou bem acima do esperado: 34,1%. A projeção para toda a carteira de crédito ampliada varia de 14% a 18% este ano, contra 17% a 21% do ano passado. O resultado, em 2013, foi 19,9%.

De acordo com Bendine, as estimativas ainda podem ser revisadas. "A divulgação de um guidance [projeção de resultados] é feita sobre o cenário de um determinado momento. Era um cenário em que trabalhávamos há aproximadamente três meses. As projeções de futuro não estavam tão clarificadas como estão neste momento."

Leias mais: http://www.ebc.com.br/noticias/economia/2014/02/apesar-do-lucro-recorde-em-2013-banco-do-brasil-faz-previsoes